Carta a igreja em Pérgamo


“Ao Anjo da Igreja em Pérgamo escreve: Esta cousas diz Aquele que tem a espada afiada de dois gumes: Conheço o lugar em que habitas, onde está o trono de Satanás, e que conservas o meu Nome, e não negaste a minha fé, ainda nos dias de Antipas, minha testemunha, meu fiel, o qual foi morto entre vós, onde Satanás habita.Tenho, todavia, contra ti algumas cousas, pois que tens aí os que sustentam a doutrina de Balaão, o qual ensinava Balaque a arma ciladas diante dos filhos de Israel para comerem cousas sacrificadas aos ídolos e praticarem a prostituição. Outrossim, também tu tens os que da mesma forma sustentam a doutrina dos nicolaítas. Portanto, arrepende-te; e se não, venho a ti sem demora, e contra eles pelejarei com a espada da minha boca. Quem tem ouvidos, ouça o que o ESPÍRITO diz às igrejas. Ao vencedor, dar-lhe-ei do maná escondido, bem como lhe darei uma pedrinha branca e sobre essa pedrinha escrito um nome novo, o qual ninguém conhece, exceto aquele que o receber.” (Ap.2:12-17)

Pérgamo, naquela época, era a sede de um governador romano, como também um centro de culto ao imperador romano Cezar Augusto. Aqueles que se recusassem a adorá-lo, como se fosse um deus, eram imediatamente sacrificados, por ordem do governador enviado de Roma. Por causa disso, a igreja em Pérgamo estava vivendo em extremo perigo. Das duas, uma: ou os cristãos de Pérgamo se associavam aos demais, e adoravam a Cézar para salvar a pele, ou, então, se sujeitavam á morte, por causa da fé no Senhor Jesus. Nessa encruzilhada, então, cada um decidia o seu destino eterno. E essa é a razão por que o SENHOR, ao invés de dizer, como as outras igrejas: “Conheço as tuas obras”, Ele diz: “Conheço o lugar em que habitas...”

Há um louvor da parte do Senhor, para com essa igreja, pelo fato de “...que conservas o meu Nome, e não negaste a minha fé...” A palavra “conservas”, originalmente, no grego, exprime: segurar e agarra-se com todas as forças. Significa dizer que os cristãos de Pérgamo agarravam-se com todas as forças ao Nome do Senhor Jesus, e que não negavam a fé. Exemplo disso é Antipas, reconhecido pelo SENHOR como Sua testemunha e servo fiel.

Mas, a vitória exterior da igreja em Pérgamo não refletia o mesmo no seu interior, pois o SENHOR a censura, dizendo:“Tenho, todavia, contra ti algumas cousas...” Quer dizer: enquanto alguns cristãos, em Pérgamo, resistiram de maneira gloriosa ao inimigo exterior, cederam diante do inimigo interior! É a velha historia das raposas e das raposinhas. Plantou-se uma vinha e cercou-a com arames farpados, contra as raposas; porém, eram as raposinhas que mais causavam dano ao vinhedo. Muitos cristãos se preocupam em não roubar, não matar, não adulterar, não cobiçar as cousas alheias; enfim, estão sempre vigilantes quanto às grandes raposas. Entretanto, as raposinhas são quase desapercebidas: as mentiras e os enganos insignificantes, as meias-verdades que são meias-mentiras, os desejos no coração, escusos e escuros, os pequenos sentimentos de inveja e de mágoas, olhos altivos e gananciosos, orgulho, prepotência e vaidade; enfim, tudo aquilo que não se pode notar com os olhos físicos, mas que destrói a comunhão íntima com o Espírito Santo.

Os que reconhecem o seu pecado e se arrependem, esses são os vencedores que têm a promessa garantida do SENHOR: “Ao vencedor, dar-lhe-ei do maná escondido, bem como lhe darei uma pedrinha branca e sobre essa pedrinha escrito um nome novo, o qual ninguém conhece, exceto aquele que o recebe.” (Apocalipse 2.17.)

Será que você, tem sido esse vencedor??? Não estamos nos referindo à sua vitória profissional ou matrimonial, não! Mas à sua vida espiritual. Se você morrer hoje, tem certeza da sua salvação? Tem certeza de ganhar essa pedrinha branca com um nome escrito? Se, até hoje, você vivia uma vida mais ou menos de acordo com a Palavra de Deus, agora não tem mais desculpas. Tome já a decisão de não mais viver assim, mas totalmente de acordo com Deus, pois o Espírito Santo não permite mistura!!!


maiorca fm iurd
Ouça diariamente pelas 23hs, a mensagem amiga do Bispo Macedo.
E as 18:30hs o Programa Casos Reais 
  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube